janeiro 2015

Nota contra parcelamento de salários

O Sindicato dos Médicos no Estado do Tocantins (SIMED-TO), em reunião extraordinária de sua diretoria, na noite desta segunda-feira, 5, decidiu comunicar ao governador Marcelo Miranda, através de oficio e do departamento jurídico do sindicato, o seu veemente repúdio ao anunciado parcelamento do salário dos médicos referente ao mês 12/2014.

Decidiu também publicar comunicado à imprensa e à população denunciando esta…

Continue lendo