Sindicatos pressionam e portaria de carga horária e escalas será levada à Mesa de Negociação do SUS

Sindicatos pressionam e portaria de carga horária e escalas será levada à Mesa de Negociação do SUS

Simed participa de reunião para discutir portaria da Sesau

Simed participa de reunião para discutir portaria da Sesau

O Sindicato dos Médicos no Estado do Tocantins (SIMED-TO) e os demais sindicatos que representam os trabalhadores da saúde cobraram do secretário da saúde, Marcos Esner Musafir, a revogação da Portaria GABSEC/SES Nº247. Editada na sexta-feira, 13 de abril, o ato do gestor altera a organização dos hospitais públicos, incluindo alterações na carga horária dos servidores e elaboração das escalas de plantões. A cobrança ocorreu em reunião na tarde desta quarta-feira (18/4) na sede da pasta, na qual os sindicalistas criticaram a edição unilateral da medida, diante da direção da Secretaria da Saúde e diretores de hospitais.

Na reunião, a presidente do SIMED-TO, Janice Painkow, afirmou que medida foi elaborada e publicada de forma sorrateira, sem passar pela Mesa de Negociação do SUS, o fórum competente para discussão e definição de uma mudança nas normas atuais que regulam a carga horária de trabalho e as escalas de plantão nos hospitais.

“Nós estamos aqui para que a portaria seja revogada e então, seja reaberta a Mesa de Negociação do SUS, para que a proposta seja debatida item por item com todos os sindicatos”, disse, acompanhada da secretária geral do SIMED-TO, Nara Neli, e secretário Adjunto de Relações de Trabalho, Reginaldo Abdalla.

A fala foi corroborada por outros dirigentes que também cobraram a revogação, lembrando, entre outros pontos, a situação de instabilidade política vivida pelo estado, diante da confirmação da cassação do mandato do governador pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na noite de terça-feira.

O secretário se contrapôs à ideia e tentou discutir a portaria durante a reunião, o que foi rejeitado pelos representantes de servidores. Após a pressão das entidades, o secretário aceitou submeter a medida integralmente aos integrantes da mesa de negociação, que será aberta na tarde da quinta-feira (19/4).

Participaram da reunião, os sindicatos dos Trabalhadores na Saúde (Sintras), dos Enfermeiros (Seto), dos profissionais de enfermagem (Seet), dos Farmacêuticos (Sindifato) e dos Cirurgiões Dentistas (Sicideto).

Leia mais:
Nota de repúdio ao secretário estadual da Saúde

894 Total de acessos 1 Acessos hoje

Compartilhe

Deixe um comentário

Your email address will not be published.


Warning: get_headers(): http:// wrapper is disabled in the server configuration by allow_url_fopen=0 in /var/www/html/simedto.org.br/web/wp-content/themes/porto/includes/init.php on line 97

Warning: get_headers(): This function may only be used against URLs in /var/www/html/simedto.org.br/web/wp-content/themes/porto/includes/init.php on line 97