Contribuição Sindical

Médicos devem pagar Contribuição Sindical

Os médicos que trabalham no Tocantins devem entrar em contato com o SIMED-TO para solicitar sua Guia de Recolhimento da Contribuição Sindical 2016. O prazo máximo para pagamento do imposto obrigatório é dia 29 de fevereiro. O valor da contribuição equivale à média dos salários dos médicos do Estado do Tocantins.

A Federação Médica Brasileira (FMB) orienta que após realizar o pagamento da contribuição sindical, o médico deve apresentar cópia do comprovante de quitação do imposto em todos os locais onde trabalha para evitar desta maneira, o pagamento em duplicidade e o repasse do imposto para o sindicato de outra categoria.

A contribuição sindical é um imposto anual obrigatório e que deve ser pago por médicos autônomos, servidores públicos, celetistas, sejam sindicalizados ou não. O médico que não pagar a contribuição sindical pode ser incluído na dívida ativa da União. A contribuição sindical é devida por todo médico com inscrição em Conselho Regional de Medicina.

 Procure o SIMED-TO e solicite sua Guia para recolhimento da contribuição sindical 2016.


banner_contribuicao sindical_1.cdr